Grupo Eça: A Relíquia e O Mandarim

Teodorico Raposo, por António

O livro aqui apresentado constitui a concretização de pesquisas e discussões, realizadas ao longo de dois anos, acerca de A relíquia e O mandarim, de Eça de Queirós, promovidas pelo Grupo Eça, registrado no Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico — CNPq. Fundado em 2003, o grupo cresceu com a participação de alunos de graduação e pós-graduação da Universidade de São Paulo e, a partir de 2013, tornou-se interinstitucional contando com a participação de professores e pesquisadores de diversas universidades brasileiras e atingiu a internacionalização, em 2016, com a participação de pesquisadores portugueses ligados a diferentes universidades em Portugal, França e Estados Unidos.

A primeira publicação de ensaios resultantes de pesquisas dos integrantes do grupo veio a público em forma digital (http://ge.fflch.usp.br), em 2015, sob o título A obra de Eça de Queirós por leitores brasileiros. Entretanto, a proposta de tratar separadamente os romances de Eça de Queirós — e outras obras –, a cada dois anos, teve início, em 2014 na Universidade de São Paulo, com a realização do “I Encontro do Grupo Eça: a primeira versão de O crime do padre Amaro”. Conforme enuncia o título do evento, as discussões estiveram voltadas ao estudo do primeiro romance publicado em vida pelo autor e suas edições posteriores. Duas foram as diretrizes daquele projeto: publicar uma edição em livro da primeira versão completa desse romance somente impresso na Revista Ocidental, em 1875 — visto que sofreu profundas reformulações em 1876 e 1880 — e elaborar estudos cujo foco recaísse sobre versão original. Produto desse encontro, a coletânea intitulada O crime do padre Amaro — Eça de Queirós — texto da primeira versão e ensaios saiu pela Editora da Universidade Estadual de Maringá (EDUEM), em 2019. No mesmo ano, foi publicado o livro Novas leituras queirosianas: O primo Basílio e outras produções, resultante dos trabalhos de pesquisa apresentados no “II Encontro Internacional do Grupo Eça: O primo Basílio e outros ensaios”, realizado na Casa de Portugal, na cidade de São Paulo, em 2016.

Dando continuidade à produção investigativa do Grupo, A relíquia do mandarim constitui a terceira obra coletiva, congregando o produto das pesquisas apresentadas durante o terceiro evento do grupo. O “III Encontro Internacional do Grupo Eça: O MandarimA Relíquia e suas Fricções” inovou ao sair de São Paulo, origem do Grupo, sendo realizado em duas etapas: a primeira, organizada pelo Programa de Pós-Graduação em Letras e pelo Departamento de Literatura da Universidade Federal do Ceará (UFC), teve lugar nos dias 29, 30 e 31 de outubro de 2018, no Centro de Humanidades da UFC, em Fortaleza; a segunda, numa parceria entre o Centro de Literatura Portuguesa da Universidade de Coimbra, o Centro de Estudos Humanísticos da Universidade do Minho (CEHUM), a Fundação Eça de Queiroz, a Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Federal do Ceará (UFC), aconteceu nos dias 26 e 27 de novembro de 2018, nas dependências da Fundação Eça de Queiroz, em Santa Cruz do Douro, Portugal. O apoio financeiro da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), por meio do PAEP, possibilitou a participação em Fortaleza dos principais nomes da crítica queirosiana espalhados por universidades do Brasil e da Europa, assim como o apoio do CEHUM e da FEQ possibilitou a participação de pesquisadores brasileiros e portugueses na segunda etapa.

Ana Marcia Alves Siqueira e José Carlos Siqueira de Souza, “Apresentação” a A relíquia
do mandarim. Org. por Ana Marcia Alves Siqueira e José Carlos Siqueira de
Souza. Rio de Janeiro : Oficina Raquel, 2020. (Acesso livre aqui)

Deixe um comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: